Bem-vindo ao meu blog literário! Constelado dos escritos de uma sonhadora em busca de seu caminho desde que caiu da lua uma noite em que esta, estava demasiadamente cheia.
Textos

Face lunar

Estás no espaço a vaguear
Perdida na noite imensa,
Como não tens a quem amar
Segues teu percurso assim, sem desavença.

Pareces uma ágata brilhante,
Mas teus reflexos são frios.
Igual a um espectro nebuloso
Que até me causas arrepios.

E assim tu perturbas meu sono até que me aborreço e desperto,
Te vejo da minha janela,
Mas sei que não estás nada perto.

E a madrugada então chega tão bela e tão risonha,
Esconde a tua face lunar
E me tira também dessa insônia.
Aronedla
Enviado por Aronedla em 22/12/2013
Alterado em 15/03/2017
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr